Outubro é o Mês da Criança. Que tal mudar o cofrinho de lugar?

Outubro é o Mês da Criança. Que tal mudar o cofrinho de lugar?
11/OUT - Sandro Bonfim é superintendente de Produtos da Brasilprev Seguros e Previdência

Administrar as finanças domésticas é, sem dúvida, coisa de gente grande, mas você pode – e deve – ensinar as crianças a lidar com o dinheiro desde cedo. Isso é bom para você, já que ajudará a controlar os gastos em casa, e bom para elas, que saberão administrar muito melhor a vida financeira quando se tornarem economicamente ativas e independentes. 

Leia mais

 

Exercício físico faz bem para corpo e mente

Exercício físico faz bem para corpo e mente
6/OUT - Dra Dinah Akerman - Psiquiatra

O esporte praticado diariamente com duração de 30 minutos e frequência de 4 vezes por semana é indicado para promoção e profilaxia de saúde mental, bem como para tratamento de doenças como depressão e ansiedade. A habitual prática de esportes não apresenta efeitos colaterais desagradáveis e demanda uma atitude ativa perante si, sua saúde ou doença.

Leia mais

 

Se meu filho fosse...

Se meu filho fosse...
6/OUT - Anita Brito - Palestrante sobre TEA (Transtorno do Espectro do Autismo)

Quando temos filhos, temos um costume, até diria que um mau costume, de ficar imaginando se ele fosse ou se não fosse assim. Mas não julgo, pois acredito que estes devaneios sejam parte do humano. O sonhar, o esperar por algo abstrato, a busca por uma história diferente etc., fazem parte das nossas fantasias e traz um equilíbrio em alguns aspectos. No entanto, creio que este tipo de devaneio nos traga sonhos que nunca realizaremos, logo trará angústias desnecessárias e frustrações de situações que nunca vivemos e que, provavelmente, nunca viveremos. 

Leia mais

 

Prioridades

Prioridades
13/SET - Ana Lúcia Zalaquett

Grande parte da população é, por definição prática, seres que buscam a própria felicidade. Claro que estou me referindo àqueles que fazem parte da nossa convivência diária, como família, clientes, amigos, conhecidos. Se formos considerar o meu círculo mais o seu, mais o do seu amigo, mais do amigo dele, vamos ter uma população que tem por meta em vida, a felicidade.

Leia mais

 

Se não por nós, pelos filhos e filhas: por mais cuidado, alteridade e alegrias.

Se não por nós, pelos filhos e filhas: por mais cuidado, alteridade e alegrias.
6/SET - Claudia Grabois - Advogada e Consultora Jurídica

O dia a dia de uma mãe e advogada que lida com assuntos familiares é viver as voltas com alegrias e sofrimentos, contudo, ainda me pergunto, e quase todos os dias, qual o sentido de tanto litígio diante do correr da vida e de nossa eterna vulnerabilidade. 

Muito se fala em discernimento das pessoas com deficiência intelectual, considerando a Lei Brasileira de Inclusão/Estatuto da Pessoa com Deficiência, no entanto, todas as vezes que o tema vem a baila me pergunto se, por acaso, nao seria a ocasião apropriada para abrir o debate em relação a palavra discernimento para todas as pessoas que pretendem se unir pelos laços do amor e ter filhos, ou apenas ter filhos, sem tantos laços.

Leia mais

 

Gerir o orçamento familiar é como equilibrar pratos

Gerir o orçamento familiar é como equilibrar pratos
29/AGO - Sandro Bonfim é superintendente de Produtos da Brasilprev Seguros e Previdência

Administrar as despesas de uma casa é tão ou mais complicado quanto equilibrar pratos. São tantos e importantes itens no orçamento familiar que, se não houver o mínimo controle – pimba! – pode-se quebrar um deles! Um administrador de finanças domésticas, função que cabe ao chefe da família, seja homem ou mulher, não pode simplesmente se esquecer de pagar uma conta de luz, o aluguel, a escola dos filhos, o açougue ou o supermercado. Senão, toda a família sofre com as consequências.

Leia mais

 

Pintando o sete com muita arte e criatividade...

Pintando o sete com muita arte e criatividade...
5/AGO - Andreia Riff – mulher, mãe, esposa, advogada, escreve sobre as mudanças de papeis que a vida nós impõe.

Neste momento de crise, de apertar o cinto, de deixar os cartões de crédito em casa, de sair de óculos escuros e evitar aquela coceirinha irresistível de comprar algum acessório novo, que vamos combinar: TUDO ESTÁ CARÍSSIMO. Confesso que é realmente muito sofrimento para o mulheril enlouquecido, que só relaxa, se comprar um mimo novo. Ui !

Leia mais

 

O TEA também acontece lá em casa!

O TEA também acontece lá em casa!
4/AGO - Anita Brito - Palestrante sobre TEA (Transtorno do Espectro do Autismo)

Foi com muita honra que aceitei o convite para escrever esta coluna.  A cada quinze dias, teremos assuntos relacionados ao Transtorno do Espectro do Autismo, mais conhecido hoje somente como TEA.

Nesta coluna, traremos assuntos relevantes sobre o TEA, tais como histórias de famílias com os mais diversos temas, desde superações a momentos críticos, filmes, bibliografia, inclusão, leis e abordaremos, também, novidades da ciência relacionadas ao TEA de maneira simples. Aqui, teremos espaço para levar mais informações...

Leia mais

 

 

1 2 3 4 5 6

Elizabeth Monteiro 2016. Todos os direitos reservados.
Cereja.in